Lamentável situação em praia do RJ

Há alguns dias atrás, a praia de São Conrado, no Rio de Janeiro, foi surpreendida por uma imensa onda, que infelizmente não era de água, mas sim de toneladas de plástico.

O ocorrido aconteceu após uma intensa chuva no Rio de Janeiro, que evidenciou o que ocorre quando o plástico é descartado de maneira incorreta, seja em praias, ruas, córregos ou diversos outros lugares: grande parte vai parar no mar, o que causa diversos problemas à vida marítima, sendo o principal deles a morte de muitos animais por obstrução intestinal ou asfixia devido à ingestão de plástico.


Imagens do plástico que assolou a praia de São Conrado, RJ.


Essas tristes cenas evidenciam o claro problema de falta de educação sustentável de muitas pessoas em nossa sociedade, também refletido em números: somente considerando a população litorânea, os brasileiros despejam em torno de 325 mil toneladas de plástico no mar por ano, um total absurdo!

Do que se tem notícia, a companhia responsável pela limpeza da praia, a Comlurb, afirmou que somente até o último sábado, dia 2, foram retiradas mais de 2,1 toneladas de plástico na praia de São Conrado.

Esses números mostram que é necessária uma conscientização séria da população brasileira, e também mundial, sobre as consequências que o descarte irregular de plástico tem sobre a natureza, pois não podemos nos esquecer de que o plástico demora aproximadamente 500 anos para se decompor.

Por isso, faça a sua parte, não descarte o plástico em qualquer lugar, e se for possível, priorize a coleta seletiva do material.

11 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo