A matriz energética e a questão ambiental

Desde cedo, o ser humano possui uma relação íntima com a energia, dado que, com a dominação do fogo, a nossa espécie passou a liberar a energia química dos materiais combustíveis através da queima desses, resultando em diversas consequências, como a proteção contra o frio e o cozimento de alimentos.

Com o advento da Revolução Industrial, obteve-se um maior domínio técnico sobre outras formas de energia, como a eólica e a hidráulica, fato que alavancou a nossa capacidade de explorar a natureza e, consequentemente, modificou a dinâmica social de diversas formas.

De maneira direta ou indireta, todas essas transformações esbarram em um ponto central: a questão ambiental. Atualmente, tem-se um uso majoritário de energia proveniente de fontes não renováveis (as energias sujas), como pode-se observar no gráfico abaixo:

Matriz Energética Mundial 2018(IEA, 2020)


Essas fontes de energia, como o petróleo e o carvão mineral, acabam por intensificar a emissão de poluentes na atmosfera terrestre, como os gases estufa CO2 (dióxido de carbono) e N2O (óxido nitroso), realidade que gera um elevado impacto ambiental, como a diminuição da qualidade do ar que respiramos e deficiências nas relações das teias alimentares existentes na biosfera. Assim, optar por uma fonte de energia renovável e limpa, como a energia solar, a hidráulica e a eólica, apresenta-se como uma escolha mais consciente e responsável acerca dos impactos ambientais e da saúde do planeta.

Diversas fontes de energia


Trazendo essa problemática para o Brasil, nota-se que, devido a sua estrutura do agronegócio e sua riqueza hídrica (bacias hidrográficas e disponibilidade de água), ele se difere bastante do resto do mundo no que diz respeito à matriz energética, observe:

Matriz Energética Brasileira 2019 (BEN, 2020)



Se interessou pelo tema abordado? Que tal dar uma olhada no post “Ande mais de bicicleta” para se conscientizar mais?


Fonte dos gráficos: https://www.epe.gov.br/pt/abcdenergia/matriz-energetica-e-eletrica

104 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo